Segunda-feira, 18 de Maio de 2015 10:13

Sistema Administrativo Integrado do TJ Alagoas entra em operação

"Grande avanço na gestão." Marcelo Bicca, Diretor Comercial.

      Servidores do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL) receberam, nesta quinta-feira (7), informações sobre o Sistema Administrativo Integrado, ferramenta que vai substituir o Sistema de Controle Processual Administrativo (Sisproad). A partir da próxima segunda-feira (11), procedimentos como pagamento de diferença por entrância e solicitações de diárias e certidões já poderão ser feitos por meio do novo software.

      De acordo com o diretor de Tecnologia da Informação do TJ/AL, José Baptista dos Santos Neto, será disponibilizado um link no intrajus dos servidores, que também receberão e-mail com as credenciais de acesso ao novo sistema. Nessa etapa inicial, a ferramenta envolve atividades dos setores de Patrimônio e Almoxarifado, Recursos Humanos, TI, Contabilidade, Presidência e Protocolo Administrativo.

      “A cada nova etapa, novos departamentos serão contemplados até abranger todo o Tribunal de Justiça em sua área administrativa”, explicou o diretor, ressaltando que a ferramenta também será disponibilizada aos servidores que atuam no interior do Estado. O uso do sistema, no entanto, não será feito de forma automática. “Os servidores terão um tempo para se adaptar. Haverá um ato normativo que deve estabelecer prazo de 90 dias. A partir daí será obrigatório o uso do sistema para esses procedimentos”, ressaltou.

      Para o coordenador da Comissão de Virtualização do Poder Judiciário de Alagoas, desembargador Fernando Tourinho, a nova ferramenta vai trazer benefícios, como maior eficiência e celeridade. “O processo virtual veio para ficar. É um caminho sem volta. O Sistema Administrativo Integrado vai promover uma maior agilidade nos trabalhos”.

      Segundo o desembargador, é importante que os servidores participem dos treinamentos e se tornem multiplicadores. “Todo dia temos que estar dispostos a aprender. O servidor que não quer aprender não deve ter mais espaço no Judiciário”, afirmou.

      A virtualização administrativa do Poder Judiciário está sendo executada pela Pólis Informática Ltda. A assinatura do contrato ocorreu em janeiro deste ano e a previsão de término do projeto é de dez meses. “Ao final, o Tribunal de Justiça terá dado um grande salto em nível de gestão administrativa e financeira”, ressaltou o diretor comercial da empresa, Marcelo Gomes Bicca.

2 imagens
Thema Informática®
Rua São Mateus, 27 CEP 91420-524
(51) 3014.6900
(51) 3338.1585